David Ceccon utiliza várias mídias e linguagens atravessados pelo universo e referências LGBTQIA+ e pela Teoria Queer

Mês da visibilidade LGBT na Casa de Cultura Mario Quintana

Publicado em 20/06/2020

Para celebrar o Mês da visibilidade LGBT, David Ceccon está organizando, a convite da Casa de Cultura Mario Quintana, uma programação cultural voltada à representatividade, à visibilidade e ao debate de questões do universo queer. A atividade irá reunir artistas das áreas das artes visuais, dança, música, teatro e literatura que produzirão vídeos especialmente para esse momento de luta pelo respeito à diversidade.

Os vídeos serão veiculados nas redes sociais da CCMQ. Nos dias 29 e 30 de junho, David Ceccon conversa com _s artistas Julha Franz e Alma Negrot, com transmissão ao vivo pelo Instagram @ccmarioquintana.

David Ceccon é artista visual formad_ pela UFRGS e atua na área cultural desde 2013. Utilizando várias mídias e linguagens, sua poética atravessa, questiona e transita pelo corpo e pelas “identidades” em contínua criação e modificação – e suas ambiguidades entre o biológico, o cultural, o fictício, o real e o virtual. David é um_ artista andrógin_ em constante trânsito existencial. Sua arte e seus estudos são atravessados pelo universo e referências LGBTQIA+ e pela Teoria Queer. Recebeu diversos prêmios ao longo de sua trajetória artística, com destaque para o Prêmio Açorianos (2016) e o Prêmio Aliança Francesa de Arte Contemporânea (2018).

Patrocinador Master
Patrocinador
Realização