O curador Aldones Nino e o artista visual Nathan Braga conversam pelo Instagram @ccmarioquintana na sexta-feira, às 19h

Projeto Conversações tem atividade paralela à exposição “Vão-se os dedos, são os anéis que ficam”

Publicado em 06/09/2021

POR LUDWIG LARRÉ | ASCOM CCMQ

 

A exposição “Vão-se os dedos, são os anéis que ficam”, ainda pode ser visitada até 15 de setembro na Fotogaleria Virgílio Calegari, sétimo andar da Casa de Cultura Mario Quintana (CCMQ – Rua dos Andradas, 736 – Centro Histórico de Porto Alegre), instituição da Secretaria de Estado da Cultura (Sedac). Como atividade on-line paralela à exposição presencial, que dialoga com o livro “Velório sem defunto” – última obra de Mario Quintana, publicada em 1990 –, o artista visual Nathan Braga e o curador Aldones Nino conduzem mais uma edição do Projeto Conversações. Com o título “A dança dos contrários”, a live acontece nesta sexta-feira, dia 10, às 19h pelo Instagram @ccmarioquintana.

Nathan Braga é artista visual e educador, graduado no Bacharelado e na Licenciatura em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da UERJ, universidade na qual é mestrando em Arte e Cultura Contemporânea. É especialista em Linguagens Artísticas, Cultura e Educação pelo IFRJ. Já expôs individualmente no Centro de Artes UFF, no Rio de Janeiro, no Museu de Arte de Blumenau-SC e na Galeria Ecarta, em Porto Alegre. Nathan Braga tem obras nas coleções do Museu de Arte Brasileira da Fundação Armando Álvares Penteado, em São Paulo, do Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul (MACRS) e do Museu de Arte do Rio (MAR).

Aldones Nino é curador adjunto de Collegium (Arévalo, Espanha) e Assessor de Educação e Formação do Instituto Inclusartiz (Rio de Janeiro, Brasil) e doutorando em Historia y Arte pela Universidade de Granada, em co-tutela com o programa de Pós Graduação em Artes Visuais da Universidade Federal do Rio de Janeiro. É mestre em História Política e Bens Culturais pela Fundação Getúlio Vargas - RJ (2018). Foi redator da Enciclopédia Itaú Cultural (2019-2020), já tendo publicado textos em livros e periódicos nacionais e internacionais (Portugal, Espanha e EUA). Participou do Programa Imersões Curatoriais da Escola Sem Sítio (Villa Aymoré/RJ). A linha de pesquisa de Aldones Ninos está voltada às interconexões entre historiografia da arte, curadoria e pensamento descolonial.

Conversações – “A dança dos contrários”, com Aldones Nino e Nathan Braga
Quando:
10 de setembro | sexta-feira
Horário: 19h
Onde: Instagram @ccmarioquintana

CLIQUE PARA AMPLIAR
Patrocinador Master
Apoio
Realização