Sala Claudio Heemann

Sala para ensaios e apresentações de teatro.

 

Cláudio Heemann (Porto Alegre, 1930-1999)

Crítico teatral, ator, diretor e pesquisador. Atuou entre o fim da década de 1970 e o início dos anos 1990 e é considerado um dos críticos teatrais mais importantes na imprensa sul-rio-grandense.

Participou do grupo que lutou pela criação de um curso de arte dramática em Porto Alegre, quando foi criado o Curso de Arte Dramática da UFRGS, onde foi professor de interpretação. Foi assessor cultural da CCMQ.

Integrou o Teatro Universitário. Na encenação de A Bilha Quebrada, de Heinrich von Kleist, em 1961, na qual divide a cena com Lílian Lemmertz e Yetta Moreira, ganhou Medalha de ouro de Melhor Ator Brasileiro no IV Festival Nacional de Teatros de Estudantes, organizado por Paschoal Carlos Magno, em Porto Alegre. Escreveu sobre teatro para os jornais Correio do Povo, Diário de Notícias e Zero Hora.